01 Abr

Dia 23 de abril, às 16h:30, estaremos na praça do Coqueiral em Mangabeira, comemorando o DIA do Livro Infanto- Juvenil, teremos como Objetivos:
Despertar o interesse pela leitura e sua importância para o conhecimento;
- Proporcionar a todos os participantes uma melhor compreensão sobre o hábito da leitura;
- Demonstrar como a leitura proporciona uma ampliação do horizonte de expectativa do leitor, contribuindo significativamente para sua formação como um ser socialmente responsável.

Participe conosco.

escrito por Luna Mercia

22 Fev

No último sábado, 18 de fevereiro, os alunos do 5º período de Pedagogia, juntamente com a profa. Analice Marinho, visitaram a nossa linda Brinquedoteca. Foi um momento de descontração e aprendizado que, com certeza, deve ter somado muito a formação dos nossos futuros pedagogos.

escrito por Niraildes Machado \\ tags: , , , ,

21 Fev

Daremos início as nossas atividades da Disciplina On-line no dia 10/03/2017! Fiquem atent@s!!

escrito por Vanessa Santana \\ tags:

20 Fev

Contribuição da Profa. Marcela Montalvão.

No último 17 de fevereiro, a Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe, realizou uma audiência pública sobre o tema Mídia e Misoginia. A audiência faz parte da programação do mês da mulher e tem o intuito de levar o debate em torno da defesa de Direitos Humanos para a população civil. A audiência foi uma proposta da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher, da OAB, e contou com a parceria do Rotary Club, da Fanese do Coletivo de Mulheres de Aracaju.

Em geral, estamos habituados a falar em machismo e a critica as atitudes machistas. Machista é o homem ou a mulher que acha que os homens são superiores às mulheres. A ideia é a de que o homem domina a mulher, a subordina. Muitos homens machistas acreditam que suas atitudes são para proteger as mulheres. Eles ou elas acreditam que o mundo pode ameaça-las e assim as proíbem de que usem determinadas roupas, não vão a determinadas festas, evitem certas amizades ou mesmo certos comportamentos. Os machistas sabem que a sociedade é machista e, ao invés de problematizar crenças e comportamentos sociais, corroboram com ele, pontuando que não há escapatória ao machismo e que o melhor é proteger aquelas que não podem lidar com a sociedade. Nem todos os machistas são misóginos.

Misoginia é um tipo de sentimento de ódio com relação às mulheres. Em geral, é de um nível mais profundo, que acredita que as mulheres além de seres inferiores, são objetos sexuais e devem ser tratadas como tais; que são naturalmente “prendas do lar” e de que não haveria outra forma de manifestar sua feminilidade além das tarefas de casa. Misoginia envolve subjugar e excluir as mulheres, mostrar a elas o quanto elas são indesejadas e o lado disforme da humanidade.

No caso do evento em questão os debates giraram em torno dos meios midiáticos que publicam textos, imagens e vídeos sobre e com mulheres em uma condição de humilhação, ridicularização ou submissão aos homens em uma sociedade machista e conduzida predominantemente pelo sexo masculino.

Organizações de vários setores sociais enviaram representantes para apoiar a causa nobre, como: a Ordem dos Advogados do Brasil – SE, Conselho Regional de Enfermagem, Guarda Municipal de Aracaju, Câmara de Vereadores de Aracaju, representantes do movimento de combate à homofobia, professores e pesquisadores de instituições de ensino superior, públicas e particulares, dentre elas da Faculdade Maurício de Nassau/Aracaju.

Foram apresentados conceitos de misoginia e exemplos de casos que configuravam como violência contra as mulheres realizados pelas mídias, como as propagandas de marcas famosas, em manchetes de jornais (impressos e virtuais) – especialmente os esportivos, além de artigos de jornais que publicaram violências, inclusive com assassinatos de esposas, companheiras, namoradas por seus companheiros ou ex-companheiros com palavras que davam um condão de eufemismo ao ato praticado pelo homem.

O público que compareceu lotou as cadeiras do auditório, sendo a presença de alunos a sua maioria, havendo demonstração de interesse e sensibilidade com o tema abordado. Sem dúvidas, a manhã deste dia foi brindado com uma discussão saudável sobre a misoginia, levando mais compreensão sobre o assunto e uma responsabilidade de difundir o combate à violência contra as mulheres.

escrito por Niraildes Machado \\ tags: , , , ,

18 Fev

Contribuição da Profa. Alessandra Monteiro.

Neste sexta feira 17/02/17, a Faculdade Mauricio de Nassau recebeu a visita da escola de Educação Infantil CORUJINHA situada no Bairro Orlando Dantas, acompanhados das alunas Amanda Ramos e Jaqueline Santos  alunas do curso de Pedagogia da Mauricio de Nassau que atuando na área de educação infantil pode proporcionar junto a Prof. Msc. Alessandra Alves momentos de discontraçao e fantasias. Segundo a professora orientador do espaço a linguagem da criança é a brincadeira” e se não fomentamos o lúdico nos processos de aprendizagem das crianças, dificilmente conseguiremos que elas aprendam os conteúdos escolares. O espaço atende crianças de 3 a 12 anos, acompanhado de monitores e da coordenação da Brinquedoteca   desenvolvendo atividades lúdicas para reforçar a função dos brinquedos e jogos como instrumentos para estimulo, desenvolvimento e autonomia no brincar.

Como afirma Santos (1997), … a ludicidade é uma necessidade do ser humano em qualquer idade e não pode ser vista apenas como diversão. O desenvolvimento do aspecto lúdico facilita a aprendizagem, o desenvolvimento pessoal, social e cultural, colabora para uma boa saúde mental, prepara para um estado interior fértil, facilita os processos de socialização, comunicação, expressão e construção do conhecimento. Portanto, o brinquedo além de serem mediadores no processo de socialização da criança, são objetos específicos da infância, podendo ser definidos tanto em relação à brincadeira como a uma representação social.

escrito por Niraildes Machado \\ tags: , , , ,

10 Fev

escrito por Niraildes Machado \\ tags: , , , ,

  • Recife | Graças
  • Fortaleza
  • Belém
  • Caruaru
  • Recife | Boa Viagem
  • Recife | Dantas Barreto
  • Piauí | Teresina (Aliança)
  • Piauí | Teresina (FAP)
  • Piauí | Parnaíba (FAP)
  • João Pessoa
  • Campina Grande
  • Salvador | Patamares
  • Salvador | Mercês
  • Salvador | Pituba
  • Lauro de Freitas
  • Lauro de Freitas
  • Natal
  • Maceió | Ponta Verde
  • Maceió | Mangabeiras
  • Maceió | Farol
  • Aracaju
  • São Luis
  • Manaus
  • Manaus

Passe o mouse na cidade desejada para obter ENDEREÇO e TELEFONE da unidade